Carregando...
Ir para o conteúdo
Ultragaz
Av Brigadeiro Luís Antônio, 134301317 - 910São Paulo, SP
(11) 3177 6677(11) 3177 6200
Entre em contato
Ultranotícias

Instalação de gás predial

Instalação de gás predial: conheça as vantagens

Diversos condomínios, sobretudo os de menor porte, com poucos apartamentos, ainda não possuem instalação de gás predial. Inclusive alguns ainda utilizam o botijão no interior das unidades, o que vai contra o Decreto 24.714/1987, com as alterações introduzidas pelos Decretos 24.757/1987 e 27.011/1988, que obriga as edificações a terem instalações permanentes de gás combustível nas áreas comuns, deixando o uso de botijões apenas para casas individuais.

Os prédios que ainda não dispõem de para uso dos moradores podem contar com diversas vantagens ao optar pela instalação do sistema. Confira!

 

Instalacao de gas predial b

Como é feita a instalação de gás predial?

Os cilindros de GLP devem ser armazenados em área exclusivamente destinada a isso, com ventilação permanente e em local externo. Por meio de tubulação, as unidades são abastecidas com o gás.

As vantagens para o consumidor da instalação de GLP para uso em condomínios são inúmeras, como a cobrança individualizada por meio de conta mensal, facilitando a rotina do dia a dia. Além disso, o fornecimento é ininterrupto: os cilindros são abastecidos frequentemente, garantindo que o gás seja fornecido sem qualquer interrupção.

Cada vez mais prédios optam pelo fornecimento de GLP, que representam economia, segurança e facilidade no consumo. Além disso, o possui alta capilaridade, ou seja, chega à maior parte das residências, inclusive em locais onde o gás natural ainda não chegou.

Além de garantir o cozimento, o GLP também é utilizado em condomínios para o aquecimento de água para o banho, sistemas de ar condicionado, secadoras de roupas, churrasqueiras em varandas gourmet, entre outros equipamentos.

Para saber mais sobre a instalação de gás predial, Solicite uma proposta de serviços da Ultragaz e conte com a facilidade do fornecimento contínuo de GLP.

Comentários (0)
Posts Relacionados