gás liquefeito de petróleo, ou simplesmente GLP, é utilizado pelos brasileiros em suas casas com o conhecido botijão de gás e também em restaurantes, lanchonetes e ambientes comerciais.

Desvendamos nesse post alguns mitos sobre o botijão de gás. Confira!

Botijão de gás pode explodir - Mito

Segundo orientações do Corpo de Bombeiros, os incêndios ocasionados pelo gás de cozinha não tem a ver com a explosão do botijão. O que costuma ocorrer é que o uso de uma mangueira avariada - com rachaduras ou furos - permite a saída do gás continuamente, e o calor do forno ligado ou até mesmo um interruptor aceso em um ambiente com gás confinado podem causar o fogo ou a explosão. Portanto, o mito de que o botijão explode cai por terra.

A mangueira tem validade indeterminada - Mito

Todas as mangueiras de gás, bem como as válvulas reguladoras, possuem data de validade de cinco anos. Após esse período, pode haver ressecamento do material, além de problemas com a pressão que passa pelo tubo, com risco de incidentes de vazamento ou fogo.

Sabão em barra veda possíveis vazamentos - Mito

Na realidade, o sabão serve para verificar, na hora da instalação do botijão de gás, se há algum vazamento no vasilhame, na válvula ou na mangueira. Usar a pasta do sabão para “tapar” sinais de vazamento pode causar danos gravíssimos.

Fita veda rosca torna a válvula mais segura - Mito

Nunca use qualquer tipo de fita vedante na rosca da válvula. Além de não ter nenhum efeito vedante em relação ao gás - a fita é feita para vedar vazamento de líquidos, não de gases, ainda pode danificar o encaixe do equipamento.

Para apertar a válvula é necessário o uso de ferramentas - Mito

Em hipótese alguma devem ser utilizadas ferramentas para o rosqueamento da válvula na boca do botijão. O equipamento já vem com uma manivela própria para o encaixe manual, e o uso de ferramentas - como martelos ou alicates - pode quebrar o dispositivo ou mesmo causar faíscas, aumentando significativamente o risco de explosões.

Para economizar espaço, o botijão pode ser guardado em armários - Mito

O botijão de gás precisa de locais arejados, e nunca deve ficar em armários ou ambientes confinados. Dessa forma, caso ocorra algum vazamento, não há perigo.

Para verificar se há vazamento, basta acender um fósforo - Mito

Jamais acenda fósforos ou isqueiros para verificar a presença de vazamentos no botijão. Para isso, utilize espuma de detergente: se subirem bolhas, é sinal de vazamento. Caso isso ocorra, basta solicitar a troca do vasilhame.