Crianças são curiosas por natureza. E durante as férias, com mais tempo em casa, o risco de acidentes domésticos fica ainda maior. Estes riscos podem ser evitados com medidas de prevenção como pequenas modificações dentro de casa.

Saiba quais são os lugares de maior perigo e soluções que ajudam a deixar a casa mais segura para seu filho.  

1) Banheiro

Para evitar algum tipo de acidente, recomendamos: 

• lacres de privada, que são fáceis de instalar e impedem que a criança tenha acesso ao vaso sanitário; 

• tapetes antiderrapantes no fundo da banheira ou no chão do chuveiro, ajudam a diminuir os riscos de queda.

2) Cozinha

A cozinha é um dos ambientes mais perigosos para crianças que já caminham. As soluções indicadas são:

• utilizar as bocas de trás do fogão ao cozinhar;

• certificar-se de que os cabos das panelas estejam virados para dentro, para não serem alcançados; 

• usar puxa-sacos, para que os sacos plásticos de supermercado sejam mantidos fora do alcance das crianças.

3) Salas e áreas comuns

Tanto na sala quanto nos quartos, fique atento a estas dicas importantes:

• use portões de segurança no topo e na base das escadas e, caso a escada seja aberta, instale redes ao longo dela;

• instale grades ou redes de proteção em janelas, sacadas e mezaninos

• substitua fios elétricos desencapados e proteja tomadas com tampas apropriadas ou, simplesmente, esconda-as, posicionando móveis de forma que a criança não tenha acesso;

4) Lavanderia ou área de serviço

Esse espaço da casa está entre os que exigem maior atenção. Por isso, recomendamos:

• manter os baldes sempre vazios e guardá-los virados para baixo e longe do alcance das crianças;

• ter um armário fechado onde os produtos de limpeza devem ser guardados em lugares altos ou trancados, além de mantê-los em seus recipientes originais para não confundir as crianças.

Atenção pais e responsáveis, façam a sua parte providenciando as adaptações necessárias na casa e na rotina da família e evite acidentes domésticos.